Publicidade
Botão de Assistente virtual
Notícias | Região NOVA SEDE

Estância Velha lança concurso com prêmio de até R$ 20 mil para criação de projeto da nova sede da prefeitura

Os três melhores serão premiados e irão a voto popular para definição do projeto que será construído

Publicado em: 11.01.2022 às 17:50 Última atualização: 11.01.2022 às 18:13

A prefeitura de Estância Velha anunciou nesta terça-feira (11) um concurso destinado a arquitetos ou engenheiros, que sozinhos ou em parceria, podem participar da ação que premiará os três melhores projetos. Os participantes terão que criar projetos para a construção de uma nova sede para a Administração Municipal.

A intenção é construir a nova prefeitura no terreno onde atualmente está instalada a Semec
A intenção é construir a nova prefeitura no terreno onde atualmente está instalada a Semec Foto: DECOM/PMEV
O primeiro colocado ganhará o prêmio de R$ 20 mil, o segundo, receberá R$ 5 mil, e o terceiro colocado, R$ 3 mil. Além disso, os responsáveis pelo projeto vencedor serão contratados pela Administração para acompanhar os projetos básicos e executivos da obra.

Para criar a planta, arquitetos e engenheiros podem conhecer o terreno onde a Administração pretende instalar o novo prédio. Os participantes podem fazer as visitas até 20 de janeiro com agendamento junto à Secretaria de Planejamento Urbano, através do telefone 3561-4050.

Os profissionais podem inscrever os projetos arquitetônicos até as 17 horas de 22 de fevereiro. A inscrição deve ser feita na sala do Departamento de Licitações e Compras – Deplic, que fica na Prefeitura, localizada na Rua Anita Garibaldi, 299, Centro.

A comunidade escolhe

Uma comissão julgadora definirá os três melhores projetos inscritos, que irão para votação popular nas redes sociais. A ideia é que os moradores do município escolham o modelo de construção da nova sede administrativa. Comunidade escolar e servidores públicos da cidade também terão direito a voto.

Administração quer economizar

Segundo o prefeito Diego Francisco, o objetivo é não onerar os cofres públicos com a construção do novo prédio. Por mês, somente com a atual prefeitura paga cerca de R$ 30 mil em aluguel. Em quatro anos, período de um mandato, são R$ 1,5 milhão que poderiam ser economizados.

Terras em troca de dinheiro

Há dois modelos de negócio em análise para a construção do prédio próprio: um deles seria trocar a construção da nova sede por áreas de terra da Prefeitura (permuta), e outra forma seria vender terrenos da Prefeitura e com o recurso arrecadado construir o prédio próprio.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.