Publicidade
Esportes | Novo Hamburgo Anilado

Reunião no Estádio do Vale alinha retorno do Noia aos trabalhos

Clube prevê início da preparação duas semanas antes dos jogos do Gauchão, entre 30 de junho e 1º de julho

Por Gustavo Henemann
Última atualização: 03.06.2020 às 21:51

A prioridade na composição do elenco será para jogadores que já estavam no clube Foto: João Vitor Goularte/ECNH
Uma reunião da diretoria do Novo Hamburgo, na tarde desta quarta-feira (3), alinhou algumas situações para a retomada dos trabalhos no Estádio do Vale, tendo em vista a possibilidade do retorno do Campeonato Gaúcho a partir do dia 15 do mês que vem. Ainda que não se tenha uma oficialização por parte da Federação Gaúcha de Futebol sobre a data da volta do Gauchão, inclusive porque não há liberação pelas autoridades sanitárias devido à pandemia de coronavírus, o Noia prevê o início da preparação duas semanas antes dos jogos, assim a apresentação ocorreria entre 30 de junho e 1º de julho.

CONTEÚDO ABERTO | Leia todos os conteúdos sobre coronavírus

No encontro, os dirigentes anilados trataram sobre questões jurídicas envolvendo os contratos a serem formalizados com os jogadores – até porque a Lei Pelé atualmente prevê contrato mínimo de três meses, porém o Projeto de Lei do Profut tramita na Câmara dos Deputados, e uma das possibilidades é a redução para vínculo mínimo de 30 dias -, e também uma prévia do orçamento para montagem do elenco.

O clube ainda vai buscar contato com a Prefeitura para autorização da prefeita Fátima Daudt para o começo das atividades no Vale. Como a cidade de Novo Hamburgo está classificada na região de bandeira laranja, de risco médio de transmissão do vírus, segundo a classificação do plano de distanciamento social controlado do governo estadual, o Noia poderia promover apenas treinos individualizados.

Em relação ao grupo de jogadores, o Noia deve compor a equipe com 18 a 20 peças, incluindo seis a sete atletas das categorias de base que possuem contrato. Segundo o vice de futebol Pitia Bilhar, a prioridade na composição do elenco será para jogadores que já vinham vestindo a camisa do Noia nesta temporada. O clube deve ir ao mercado apenas para buscar um centroavante e um atacante de lado. Sobre a comissão técnica, ainda não há definição sobre a continuidade do técnico Ben Hur Pereira no comando do time, ele que teve bom desempenho após a saída de Julinho Camargo.

Antes da parada por conta da pandemia, o Noia alcançou a vice-liderança do Grupo A, com três pontos, e almeja pelo menos chegar à semifinal da Taça Francisco Noveletto Neto, que corresponde ao segundo turno do Gauchão. Na fase de classificação, o Anilado ainda terá pela frente Aimoré, São José e Grêmio.

Participaram na reunião do Estádio do Vale, o presidente Raul Hartmann, o presidente do Conselho Deliberativo Rosalvo Johann (Maneca), o vice-presidente de futebol Pitia Bilhar, o vice-presidente jurídico Alexandre Busato e o diretor das categorias de base Saul Medeiros.

Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.