Publicidade
Cotidiano | Turismo Serra Gaúcha

Sem a tradicional festa do pinhão por conta da pandemia, São Francisco organiza roteiro

Para a data não passar em branco, no entanto, o município promove, até 11 de julho, o Roteiro do Pinhão, evento gastronômico que mistura turismo e gastronomia

Por Bruna Mattana
Publicado em: 26.06.2021 às 03:00 Última atualização: 26.06.2021 às 08:51

Com a chegada do inverno, o pinhão toma conta da mesa dos gaúchos. Seja cozida, sapecada ou acrescida a outras preparações, a semente se destaca por sua versatilidade e caráter nutritivo. São Francisco de Paula, nos Campos de Cima da Serra, é conhecida pelo cultivo do pinhão e pela festa que, em razão da pandemia, não poderá ocorrer este ano - quando completaria 25 anos.

Receitas com pinhão atraem turistas Foto: Luna Garcia/Especial

Para a data não passar em branco, no entanto, o município promove, até 11 de julho, o Roteiro do Pinhão, evento gastronômico que mistura turismo e gastronomia. O turista pode passear por restaurantes da cidade e experimentar receitas exclusivas à base da semente.

São opções para todos os gostos, que vão desde o bolinho frito de pinhão, produzido pela Feira do Produtor, até o tradicional churrasco de pinhão.

Segundo o secretário de Turismo, Cultura e Desporto de São Francisco de Paula, Rafael Castello Costa, a safra deste ano do pinhão foi 50% maior do que a do ano passado.

Segundo a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) do município, ao todo, foram colhidas 120 toneladas da semente. "A safra vai de abril a junho. Hoje, cerca de 150 famílias vivem da venda do pinhão. Além de São Chico, ele é vendido também para municípios da região, como Canela, Gramado, Caxias do Sul, e cidades do Paranhana e Vale do Sinos."

 

Turismo

São Francisco de Paula tem apostado na sua culinária, atmosfera serrana e belezas naturais para atrair visitantes. "Entendendo seu potencial turístico, o município começou a investir em infraestrutura a fim de atrair novos empreendimentos para o local. Criamos um Conselho de Turismo e um de Cultura, a fim de fomentar a economia, que hoje gira muito em torno do turismo. Esse é, atualmente, um dos setores que mais crescem", destaca o secretário.

Ele ressalta que o turismo tem contribuído para a geração de emprego e renda. "Hoje contamos com uma rede de hotéis, restaurantes, parques temáticos. E, em breve, deve ser inaugurado no município um dos maiores parques de flores da América Latina."

 

Chef fala sobre as virtudes da semente

Chef de um dos restaurantes que compõem o Roteiro do Pinhão, Marcos Livi ressalta que o pinhão possui grande potencial gastronômico. "Quando o transformamos em farinha, nós temos uma farinha sem glúten e só aí nos gera uma possibilidade infinita de preparo de pratos."

Chef Marcos Livi Foto: Adriana Franciosi
Conforme Livi, o pinhão é uma semente que não absorve o sabor de outros ingredientes. "Mas claro, quando a gente faz uma paçoca de pinhão, um entrevero, podemos dizer que essa é a semente mais rica que a gente tem. O italiano tem o pinole. Nós temos o pinhão, cujo uso nas receitas é incrível. Ele pode estar em uma panqueca feita com a farinha do pinhão ou em uma sobremesa."

Para o chef, quando São Chico cria um roteiro gastronômico com o pinhão, o município cria uma consciência local e essa semente começa a fazer parte cada vez mais do cotidiano. "A coisa mais maravilhosa é quando você começa a perceber na cidade a fumaça saindo das chaminés dos fogões à lenha. Nesse momento, a conexão com o pinhão está ali."

Livi destaca que o pinhão é um ingrediente extremamente democrático. "É algo que a natureza nos dá e isso mostra que estamos tratando daquilo que a gastronomia deve ser: inclusiva e não exclusiva. O pinhão é a porta de entrada para que a gastronomia de São Francisco de Paula aconteça."

 

Acolhimento

Nesse sentido, Costa salienta o investimento do município para capacitar seus profissionais, com cursos de recepção e atendimento ao público. "Queremos que o turista se sinta cada vez mais acolhido em nossa cidade."

E não é só o pinhão que é destaque no município. O queijo é considerado patrimônio cultural imaterial de São Francisco de Paula. "Temos diversos festivais gastronômicos e culturais. O São Chico Beatle Festival, por exemplo, já reuniu grandes nomes da música em nossa cidade, como Toquinho, Erasmo Carlos. Inclusive contamos com a presença da irmã de John Lennon em uma das edições."

Para ABC: Roteiro do Pinhão, em São Francisco de Paula, tem opção para todos os gostos

Com a chegada do inverno, o pinhão toma conta da mesa dos gaúchos. Seja cozida, sapecada ou acrescida a outras preparações, a semente se destaca por sua versatilidade e caráter nutritivo. São Francisco de Paula, nos Campos de Cima da Serra, é conhecido pelo cultivo do pinhão e pela festa que, em virtude da pandemia, na poderá ocorrer este ano - quando completaria 25 anos. 

Para a data não passar em branco, no entanto, o município promove, até 11 de julho, o Roteiro do Pinhão, evento gastronômico que mistura turismo e  gastronomia. O turista pode passear por 13 restaurantes e experimentar receitas exclusivas à base da semente. São opções para todos os gostos, que vão desde o bolinho frito de pinhão, produzido pela Feira do Produtor, até o tradicional churrasco de pinhão.

Segundo o secretário de Turismo, Cultura e Desporto de São Francisco de Paula, Rafael Castello Costa, a safra deste ano do pinhão foi 50% maior do que a do ano passado. Segundo a Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater) do município, ao todo, foram colhidas 120 toneladas da semente. "A safra vai de abril a junho. Hoje, cerca de 150 famílias vivem da venda do pinhão. Além de São Chico, ele é vendido também para municípios da região, como Canela, Gramado, Caxias do Sul, e cidades do Paranhana e Vale do Sinos."

Turismo

Por sua culinária, atmosfera serrana e belezas naturais, São Francisco de Paula é hoje um dos destinos mais procurados pelos turistas. “Entendendo seu potencial turístico, o município começou a investir em infraestrutura a fim de atrair novos empreendimentos para o local. Criamos um Conselho de Turismo e de um de Cultura, a fim de fomentar a economia, que hoje gira muito em torno do turismo. Esse é, atualmente, um dos setores que mais cresce”, destaca o secretário.

Ele ressalta que o turismo tem contribuído para a geração de emprego e renda. “Hoje contamos com uma rede de hotéis, restaurantes, parques temáticos. E, em breve, deve ser inaugurado no município um dos maiores parques de flores da América Latina.”

Nesse sentido, Costa salienta o investimento do município para capacitar seus profissionais, com cursos de recepção e atendimento ao público. “Queremos que o turista se sinta cada vez mais acolhido em nossa cidade.”

E não é só o pinhão que é destaque no município. O queijo é considerado patrimônio cultural imaterial de São Francisco de Paula. “Temos diversos festivais gastronômicos e culturais. O São Chico Beatle Festival, por exemplo, já reuniu grandes nomes da música em nossa cidade, como Toquinho, Erasmo Carlos. Inclusive contamos com a presença da irmã de John Lennon em uma das edições.”

Receitas do Chef Marcos Livi

Entrevero – Um clássico da Serra Catarinense

Rendimento: 04 porções

Ingredientes

100g de barriga suína
50 gr de pimentão vermelho em cubinhos ou “brunoise”
50 gr de pimentão amarelo em cubinhos
50 gr de pimentão verde em cubinhos
50 gr de bacon em cubos
50 gr de cebola em cubos cortada 4&4 cm
20 gr de alho amassados
400 gr de charque limpa em cubos
400 gr de lombo suíno ou paleta suína cortada em cubos
100 gr de linguiça campeira
300g de pinhão cozido
1 tomate picado em cubinhos
Salsinha e cebolinha a gosto
Sal a gosto
Pimenta do reino a gosto


Modo de Preparo

1º Passo: No centro de uma frigideira de ferro ou disco de arado, coloque a barriga suína;

2º Passo: Acrescente o pimentão verde;

3º Passo: Acrescente o pimentão amarelo;

4º Passo: Acrescente o pimentão vermelho;

5ºPasso: Acrescente a Cebola;

6º Passo: Acrescente o alho e frite;

7º Passo: Coloque o charque;

8º Passo: Coloque o Lombo suíno;

9º Passo: Acrescente a linguiça;

10º Passo: Adicione o pinhão cozido;

11º Passo: Coloque o tomate em cubos;

12º Passo: Tempere com sal e pimenta;

13º Passo: Finalize com cheiro verde;

14º Passo: sirva a gosto;

Pulpo a La Gallega ( Polvo a Galega)

Nº de Porções: 04

Ingredientes

1 Polvo grande inteiro
20 gr Páprica doce
100 ml Vinagre
200 ml Vinho branco
200 gr Salsão
200 gr cenoura
louro
30 gr cebolinha
10gr de pimenta do reino
200 ml de azeite de oliva
Flor de sal
200 gr de pinhão cozido e descasado
20 gr de salsinha picada
20 gr de alho picado
Broto de mostarda
10gr de sal fino
Modo de preparo:

1ºpasso: Limpe o polvo.

2ºpasso: Em uma panela com água acrescente o polvo, sal, vinagre, vinho branco, salsão, cenoura, louro e pimenta do reino. Deixe ferver por cerca de 40 minutos.

3ºpasso: -Após os 40 minutos, faça o teste de cozimento.

4ºpasso: -Retirar e interromper o cozimento com água gelada.

5ºpasso: - Finalizar a limpeza e embalar em papel filme.

6ºpasso: - Corte os tentáculos de polvo e deixe repousar com a páprica doce,

7ºpasso: Em uma frigideira bem quente, coloque azeite de oliva, o polvo deixe grelhar, acrescente o pinhão, tempere com sal e pimenta;

8ºpasso: Finalize com azeite, cebolinha e flor de sal.


Taco de pinhão

Rendimento: 4 porções de Tacos de pinhão

Para a massa:

200 gr de farinha de pinhão fina
150 ml de agua filtrada
30 gr de manteiga
Sal fino a gosto
Óleo para tostar
Modo de preparo da massa

1ºpasso: coloque a água, o sal e a manteiga numa panela e leve ao fogo. Quando ferver, adicione a farinha e misture muito bem com uma colher. Desligue o fogo quando a massa desgrudar do fundo da panela.

2ºpasso: Deixe a massa amornar um pouco e, em seguida, transfira para uma mesa ou bancada enfarinhada. Sove e adicione mais farinha, se necessário, até que a massa desgrude da mão e se torne compacta.

3ºpasso: Divida a massa em bolinhas e abra cada uma delas com um rolo, até ficarem com cerca de 2 mm de espessura. Corte em formato circular, com a ajuda de uma tigela ou cortador, e frite cada uma dessas rodelas em uma frigideira com um pouco de óleo, somente até dourar de ambos os lados.

4ºpasso: A massa dos tacos de pinhão acabará de cozinhar no forno, onde também irá tomar a forma. Para isso pendure cada uma das rodelas na grelha do forno, e asse no forno preaquecido a 130ºC durante 1 hora.

Para o recheio de: Charque

350 gr de carne de charque dessalgado e desfiada
50 gr de cebola roxa fatiada a juliene
Manteiga
1ºpasso: em uma frigideira quente colocar a manteiga,

2ºpasso: Acrescentar a cebola e deixar soar

3ºpasso: Coloque o charque puxe na manteiga e na cebola

Para o recheio de: Purê de Abobora

½ abobora cabochat
100 gr Manteiga
10 gr Sal
10 gr pimenta do reino

1ºpasso: descascar e cozinhar a abobora;

2ºpasso: Ainda morno, amassar a abobora, passar em um processador, até chegar a uma pasta homogênea;

3ºpasso: Voltar a panela, aquecer, acrescentar a manteiga, o sal e a pimenta, reservar

Para Finalização:

Radicchi
Vinagre de maçã
Azeite de oliva
100 gr de nata
02 um de limão bergamota

Montagem do taco:

1ºpasso: Coloque no fundo do taco para fazer um leito o radicchi temperado com vinagre e azeite

2ºpasso: Sobre o radichi a porção de pure de abobora

3ºpasso: A camada seguinte vem a carne de charque,

4ºpasso: Para finalizar coloque a nata e raspe o limão bergamota.

Confira os restaurantes participantes
Gostou desta matéria? Compartilhe!
Encontrou erro? Avise a redação.
Publicidade
Matérias relacionadas

Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.