Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Brasileirão

Inter traz um ponto importante da Vila Belmiro

Inter fica no 0 a 0 com o Santos e traz um ponto da Vila Belmiro para chegar aos 10 no Brasileirão
26/05/2019 18:24 26/05/2019 18:27

Foto por: Ricardo Duarte/Inter
Descrição da foto: Inter, de Paolo Guerrero, teve postura ofensiva, mas não conseguiu vencer os santistas
A primeira vitória do Inter atuando fora de casa no Campeonato Brasileiro terá que esperar. Neste domingo(26), atuando na Vila Belmiro, o time do técnico Odair Hellmann jogou bem, criou chances de gol, mas acabou ficando no 0 a 0 com o Santos. O ponto conquistado fora de casa, contra um adversário direto na briga pela ponta de cima da tabela, entretanto, foi valorizado pelos colorados.

Na primeira etapa, o Inter conseguiu segurar o ímpeto do Santos nos primeiros minutos de jogo e, aos poucos, foi se soltando. Depois de equilibrar as ações e de passar a se sentir confortável na Vila Belmiro, o Inter quase abriu o placar. Guilherme Parede chegou a balançar as redes do goleiro Vanderlei. Mas a arbitragem anulou o gol e apontou impedimento de Guerrero, autor do passe para Parede marcar, no início da jogada.

Pouco depois, o peruano quase marcou. Ele passou pela zaga e bateu rasteiro para a defesa salvadora do goleiro santista. Em seguida, dando sequência à pressão do ataque gaúcho, Parede aproveitou rebote e bateu de primeira: a bola passou muito perto da trave.

As chances de gol foram mais escassas no segundo tempo e favoreceram os donos da casa. Marcelo Lomba teve mais trabalho. Já no final, aos 38min, a arbitragem marcou pênalti de Cuesta em Rodrygo, mas a penalidade foi anulada após consulta ao VAR. Pottker ainda levou perigo, mas o jogo terminou 0 a 0.

Diário de Cachoeirinha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE