Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Brasileirão

Inter já mira duelo com o Sport na sexta

Colorado não terá Cuesta e Edenilson, mas Patrick volta após cumprir suspensão
01/10/2018 21:19 01/10/2018 21:21

Foto por: Ricardo Duarte/Inter
Descrição da foto: Fabiano assumiu a titularidade da lateral-direita
A semana no calendário do Brasileirão é mais curta em virtude das eleições de domingo. E por isso, o Inter já se reapresentou ontem visando a preparação para o duelo diante do Sport, na sexta-feira, às 19 horas, na Ilha do Retiro, em Pernambuco. No treinamento, apenas os jogadores que não atuaram a maior parte do tempo foram a campo.

Para o confronto desta 28ª rodada, quando o Colorado poderá assumir a liderança da competição, o técnico Odair Hellmann não terá o zagueiro Víctor Cuesta e o volante Edenilson, ambos suspensos por conta do terceiro cartão amarelo. No entanto, o time terá o retorno automático de Patrick, que cumpriu suspensão contra o Vitória. Damião por enquanto é dúvida devido às dores no posterior da coxa direita, e caso não possa atuar, Jonatan Alvez retoma a titularidade.

O Inter viaja nesta quarta-feira para o Recife. O lateral-direito Fabiano, novo titular da equipe, falou sobre o próximo duelo pelo Brasileiro. “São jogos difíceis, todo jogo agora é uma decisão, tanto para gente que está brigando lá na frente, quanto para outros que estão lá atrás”, afirmou o atleta.

GUERRERO
O centroavante peruano Paolo Guerrero recebeu uma notícia negativa nesta segunda-feira na Suíça. A Justiça negou o efeito suspensivo da pena aplicada pela Corte Arbitral do Esporte (CAS), assim Guerrero terá que cumprir a punição por doping até abril de 2019. O atleta ainda tenta recurso.


Diário de Cachoeirinha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE