Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Funcionalismo

Estado quita salário dos servidores das fundações nesta segunda-feira

Em relação aos demais servidores do Poder Executivo, a Secretaria da Fazenda iniciou o pagamento da folha na última quarta-feira (30)
04/06/2018 14:58 04/06/2018 15:02

Wikimedia Commons
Sede da Fundação Piratini, em Porto Alegre
O governo do Estado confirmou para esta segunda-feira (4) o pagamento integral dos salários de maio para os funcionários vinculados às fundações. Serão necessários R$ 25 milhões para atender cerca de 5.200 contratos regidos pela CLT (Consolidação das Leis do Trabalho) e que recebem seus vencimentos sempre no segundo dia útil de cada mês.

Em relação aos demais servidores do Poder Executivo, a Secretaria da Fazenda iniciou o pagamento da folha na última quarta-feira (30). Na oportunidade, foram quitados os salários para quem ganha até R$ 3.500 líquidos. Para atender a 226 mil matrículas (66% do funcionalismo), foram necessários R$ 426,3 milhões em caixa.

Também foi depositada no mesmo dia a quinta parcela já corrigida do 13º salário de 2017 para todos os vínculos (118 milhões de reais), assim como a indenização pelos dias de atraso dos vencimentos de abril (500 mil reais). A quitação integral está prevista para acontecer até o dia 13 de junho, sempre de acordo com o comportamento da arrecadação.

A parte líquida da folha de maio fechou em R$ 1,217 bilhão, sem considerar os valores das consignações. Ao todo, o Poder Executivo contempla mais de 341 mil vínculos entre ativos, inativos e pensionistas. No mês passado, a receita líquida ficou em R$ 2.771 bilhões, enquanto o total das despesas neste período chegou a R$ 3,934 bilhões.


Diário de Cachoeirinha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE