Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Gauchão

Grêmio goleia Brasil por 4 a 0 e praticamente encaminha o título

Tricolor foi dominante contra os visitantes e se aproxima do título
01/04/2018 20:39 01/04/2018 20:39

Lucas Uebel/Grêmio
Ramiro marcou o último gol do Tricolor
O Gauchão 2018 já tem seu campeão. E é o Grêmio. Certeza após a goleada de 4 a 0 no Brasil de Pelotas, neste domingo, no primeiro jogo das finais da competição. Everton, duas vezes, Alisson e Ramiro marcaram. Se a superioridade técnica gremista era incontestável antes da partida, ela se confirmou somente na segunda etapa. Com um toque de bola intenso o Grêmio desde o início do jogo tentou furar o ferrolho criado por Clemer, mas era pouco efetivo. A melhor chance ocorreu apenas aos 13min. Everton infiltrou pelo meio da área e tocou para Jael emendar. Marcelo Pitol defendeu no susto. No contra-ataque, Calyson arrancou em velocidade, bateu no chão e Grohe catou firme. O toque de bola gremista seguia envolvente, mas na mesma proporção que a redução de espaços feita pelo Brasil. E o Xavante, devagarinho, foi gostando do jogo. Aos 27min, Artur avançou pela esquerda e cruzou. Calyson venceu a zaga e testou por cima do travessão. Cinco minutos depois Alison Farias tentou até uma meia-bicicleta, para defesa de Grohe. A demora em abrir o placar rendeu os primeiros momentos de insatisfação na Arena. Em especial com Cortez, que não conseguia dar complemente as jogadas. Porém, o jogo truncado teve seu ponto de ruptura aos 44min. Eder Sciola atingiu Luan com um joelhaço nas costas. Como já tinha amarelo, acabou expulso. Vermelho que mudaria a história da partida.

E veio a goleada
O retrato de que o jogo seria diferente veio logo a 1min. Arthur tocou para Jael que se vestiu de garçom e serviu Everton. O chute foi no canto esquerdo de Pitol. 1 a 0 que fez o Grêmio aumentar a pressão. Aos 12min, Maicon meteu na cabeça de Jael que testou firme. Pitol defendeu e a bola sobrou limpa para Alisson empurrar pras redes. Aos 25min, o 3 a o veio num toque de letra de Jael que desmontou a zaga e deixou Everton livre para marcar. Mas tinha mais. Aos 33min, em cobrança de falta, Ramiro bateu forte e Pitol frangou espetacularmente. Agora, para botar as duas mãos na taça, o Grêmio pode perder por até três gols no próximo domingo, em Pelotas. Já é campeão.

Não sentar na vantagem

Afirmando que o Grêmio não é campeão, Renato Portaluppi destacou que a vantagem precisa agora ser administrada. Segundo ele, em Pelotas, o Brasil precisará sair pro jogo, o que abrirá espaços. “Mas não podemos sentar nessa vantagem, como fizemos no Grenal. É um grupo consciente, vamos fazer de conta que o jogo está zero a zero, mas vamos lá pra ganhar o jogo”, frisou. Sobre a reviravolta na partida a partir da expulsão de Eder Sciola, disse que aplaudiu o árbitro. “Dou nota 10 pro Daronco e seus auxiliares, pela expulsão e por outros lances”, frisou. Questionado sobre o que pode tirar o título em Pelotas, voltou a ser transparente na análise. “Só o Grêmio pode tirar o seu título. Temos que entrar focados. Mas o grupo é consciente e sabe o que precisará fazer”, assinalou. Sobre a ovação a Jael, frisou: “Vocês estão criando um monstro. Ele sabe que não tem aquela condição técnica toda, mas se esforça e entrega nos treinos”, resumiu.

FICHA TÉCNICA

GRÊMIO 4
Marcelo Grohe; Léo Moura (Alisson), Geromel, Kannemann e Bruno Cortez; Maicon (Jailson), Arthur, Ramiro e Luan; Everton e Jael (Thonny Anderson). Técnico – Renato Portaluppi

BRASIL-PEL 0
Marcelo Pitol; Sciola, Leandro Camilo, Heverton, Artur; Leandro Leite (Vacaria), Valdemir (Mossoró), Toty (Ednei) e Calyson; Alison Farias e Lourency. Técnico – Clemer

DETALHES – Local: Arena do Grêmio, em Porto Alegre. Hora: 16h. Arbitragem de Anderson Daronco, auxiliado por José Eduardo Calza e Leirson Peng Martins.



Diário de Cachoeirinha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE