Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Saiba como fazer

Contribuintes já entregaram quase 950 mil declarações do imposto de renda

Prazo termina em 30 de abril e um total de 28,5 milhões é esperado
05/03/2018 17:40 05/03/2018 17:41

Até as 17 horas desta segunda-feira (5), 947.356 declarações de Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) foram entregues à Receita Federal pelos contribuintes brasileiros. Um total de 28,5 milhões é esperado até o prazo final de entrega, em 30 de abril. Segundo a Receita Federal, no Rio Grande do Sul, foram recebidas, até o momento, 49.592 declarações. São esperadas, no Estado, em torno de 2.040.000 declarações.

Precisa fazer a declaração quem, no ano-calendário de 2017, recebeu rendimentos tributáveis, sujeitos ao ajuste na declaração, cuja soma foi superior a R$ 28.559,70 e, em relação à atividade rural, obteve receita bruta em valor superior a R$ 142.798,50. Também estão obrigadas a apresentar a declaração as pessoas físicas residentes no Brasil que, no ano-calendário de 2017:

  • receberam rendimentos isentos, não tributáveis ou tributados exclusivamente na fonte, cuja soma foi superior a R$ 40.000,00;
  • obtiveram, em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou direitos, sujeito à incidência do imposto, ou realizou operações em bolsas de valores, de mercadorias, de futuros e assemelhadas
  • pretendam compensar, no ano-calendário de 2017 ou posteriores, prejuízos com a atividade rural de anos-calendário anteriores ou do próprio ano-calendário de 2017;
  • tiveram, em 31 de dezembro, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, inclusive terra nua, de valor total superior a R$ 300.000,00;
  • passaram à condição de residentes no Brasil em qualquer mês e nessa condição encontravam-se em 31 de dezembro; ou
  • optaram pela isenção do Imposto sobre a Renda incidente sobre o ganho de capital auferido na venda de imóveis residenciais, cujo produto da venda seja aplicado na aquisição de imóveis residenciais localizados no País, no prazo de 180 (cento e oitenta) dias contado da celebração do contrato de venda, nos termos do art. 39 da Lei nº 11.196, de 21 de novembro de 2005.

Como fazer?

  • É possível fazer a declaração pelo computador, através do Programa Gerador da Declaração (PGD)* IRPF2018, disponível no site da Secretaria da Receita Federal do Brasil (RFB) na internet;
  • Por dispositivos móveis como tablets e smartphones, por meio do serviço “Meu Imposto de Renda”, acessado pelo aplicativo “Meu Imposto de Renda” disponível no Google play, para o sistema operacional Android, ou App Store, para o sistema operacional iOS;
  • E pelo computador usando o serviço “Meu Imposto de Renda”, disponível no Centro Virtual de Atendimento (e-CAC) no site da Receita Federal na internet, com o uso de certificado digital, e que pode ser feito pelo contribuinte ou seu representante com procuração eletrônica ou a procuração de que trata a IN RFB nº 1751, de 2017.

*Para a transmissão da Declaração pelo PGD não é necessário instalar o programa de transmissão Receitanet, uma vez que essa funcionalidade está integrada ao IRPF 2018. Mesmo assim, o uso do Receitanet para a transmissão ainda é possível. 


Diário de Cachoeirinha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE