Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Promessa cumprida

Hamburguense que caminhou até o Rio tem encontro com Renato Portaluppi

Leonardo Dornelles, cônsul do Grêmio em Novo Hamburgo, cumpriu promessa pela tricampeonato da Copa Libertadores
13/01/2018 19:15 14/01/2018 15:30

Arquivo Pessoal
Renato Portaluppi parabenizou Leonardo Dornelles pela conclusão do desafio
Chegar ao Rio de Janeiro foi a primeira conquista do hamburguense Leonardo Dornelles, que caminhou da Arena do Grêmio até a cidade carioca para pagar promessa pelo título da Libertadores. A caminhada foi encerrada na sexta-feira. E, neste sábado, ele conseguiu concluir a aventura ao encontrar o técnico Renato Portaluppi na praia de Ipanema. “Chegamos na praia e o Renato estava esperando pra jogar futevôlei. Ele nos recebeu muito bem, ficou impressionado com a nossa caminhada e prometeu um 2018 parecido com 2017. Ficou essa brincadeira, de qual vai ser a próxima promessa e o próximo título”, revelou Dornelles, que é cônsul do Tricolor em Novo Hamburgo.

Essa não é a primeira vez que Dornelles paga uma promessa pelo Grêmio. Em 2016, ele caminhou até a casa do presidente Romildo Bolzan Jr., em Osório, para comemorar o penta da Copa do Brasil. Dessa vez, o desafio foi maior. “Foi muito difícil, principalmente a parte mental”, relatou o gremista, que perdeu o Natal, o Ano-Novo e o aniversário de um ano do filho Benjamin. “Ficar longe da família foi o mais complicado”, disse, emocionado, ao falar do filho. O técnico Renato Portaluppi ficou impressionado. “Ele não acreditou que havíamos concluído o desafio”, disse Dornelles, que teve o apoio do amigo Wagner Kunrath no caminho. “Estou tendo o prazer de abraçar o Leonardo. Pagou a promessa, chegou ao Rio”, disse o técnico, em áudio enviado ao ABC Domingo por Dornelles.

O testemunho do Renato



Presidente Romildo enaltece gremismo do hamburguense


Números da aventura

9 de dezembro
Saída da Arena do Grêmio

12 de janeiro
Chegada ao Rio de Janeiro

35
Dias de caminhada

1,1 mil
Quilômetros percorridos

15
Pares de tênis levados para o desafio

7
Horas de caminhada por dia


Diário de Cachoeirinha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE