Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Em Las Vegas

Seu próximo cachorro talvez seja um robô

Empresa retoma produto abandonado dez anos atrás, com visual mais interativo
09/01/2018 17:30 10/01/2018 19:26

AFP
Nova versão do Aibo, cachorro robótico da Sony
A empresa japonesa Sony apresentou nesta quarta-feira uma nova versão de seu cão robô, dotado dos mais recentes avanços na área da inteligência artificial e com acesso à Internet, que será comercializado em 2018, ano do cachorro nos horóscopos chinês e japonês. O novo cão "aibo" da Sony é um mascote de 30 centímetros. O robô tem a capacidade de movimentar os olhos para expressar emoções.

O cão tem vários sensores, câmeras e microfones, além de uma conectividade melhor, o que permite aos donos brincar com o mascote a partir de um local afastado com o uso de um smartphone. A versão anterior do "aibo" teve a produção interrompida há 10 anos, vítima de uma reestruturação empresarial que deixou inconsoláveis os fãs do mascote artificial.

A Sony apresentou a primeira geração do aibo em junho de 1999. Os primeiros 3.000 exemplares foram vendidos em apenas 20 minutos, apesar do preço elevado (250 ienes, o equivalente a 2.000 dólares na época). Nos anos seguintes foram vendidas mais de 150.000 unidades.

Em 2006, a Sony entrou em crise e seu modelo de negócios começou a sofrer a concorrência de rivais em diversas áreas. O aibo, um produto caro e de certa forma frívolo, foi retirado do mercado. A empresa manteve a "clínica aibo" aberta até março de 2014, quando comunicou aos donos de mascote que teriam que procurar outro local para consertos. Alguns engenheiros aposentados da Sony assumiram, no entanto, os eventuais reparos.

O novo aibo será lançado oficialmente no Japão em janeiro e não será barato: custará 198.000 ienes (1.750 dólares). A Sony informou que não vai consertar os modelos anteriores. O aibo foi mostrado na CES 2018 em Las Vegas. A Consumer Electronics Expo é uma mostra de produtos topo de linha que reúne lançamentos de tecnologia.


Diário de Cachoeirinha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE