Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Vai ter Zaffari

Decreto assinado por prefeito vai dar continuidade à obra do Zaffari

Terrenos que faltavam ser desapropriados agora pertencem ao município e as obras devem começar em até 45 dias
06/11/2017 18:37 06/11/2017 18:37


Diléa Fronza/GES-Especial
Prefeito Marco, assinou o decreto para continuidade das obras do Zaffari
Não há mais barreiras para a vinda do Zaffari a Gravataí. O prefeito Marco Alba assinou, na tarde desta segunda-feira (6), o decreto que desapropria parte da área que ainda estava nas mãos dos antigos proprietários. Do total da área, 23 hectares pertencem ao Grupo Zaffari, 18 são de uma empresa que não criou problemas para a vinda do empreendimento e o restante são os pouco mais de cinco hectares que estavam em briga. Estes terrenos serão usados para a construção das vias de acesso ao empreendimento, que deverá receber um investimento de cerca de R$ 300 milhões.

Segundo o procurador geral do município, Jean Piery Torman, o decreto viabiliza que o município possa tomar posse da imóveis logo após a sua publicação e a conclusão da tramitação perante o cartório de registros e perante o registro de imóveis do município, o que deve acontecer nos próximos 30 a 45 dias. “Mas desde já disponibilizamos para o Grupo Zaffari uma cópia do decreto para que já seja possível realizar projetos e estudos para a intervenção na área e início dos seus trabalhos e atividades”, explica.

De acordo com o secretário municipal de Habitação, Saneamento e Projetos Especiais, Luiz Zaffalon, o município negociou durante quase quatro anos com os proprietários da área. “Infelizmente não chegamos a um acordo e hoje estamos dando mais um passo para a concretização do empreendimento. Esperamos que a partir de agora se dê a celeridade necessária”, garante.

Pavimentação reinicia

O diretor do Grupo Zaffari, Cláudio Zaffari, explicou que a retomada do projeto do sistema viário e de infraestrutura, com melhorias de tráfego para a região, será feita pela própria companhia com apoio da Prefeitura. “Já temos 70% do sistema viário concluído. Estávamos aguardando esta providência para nós conseguirmos dar continuidade à obra”, explica. “Vamos retomar a implantação do sistema viário e entregar à cidade um conjunto de vias que vão ajudar no sistema viário dos moradores daquela região e na valorização da região que fica entre as ruas Rondon, Andaraí e a própria Dorival de Oliveira”, acrescenta.

Após concluída esta parte, considerada a primeira etapa, vai começar a execução do projeto das edificações. “É difícil ser preciso no prazo, mas foi dada a largada. Até a metade do ano que vem planejamos estar com as obras de pavimentação em curso e, quem sabe concluídas. Depois inicia a edificação da nossa unidade de varejo da Companhia Zaffari e seus parceiros”.

Conquista para a cidade

Para o prefeito Marco Alba, este é um momento de celebrar, mesmo que tenham ocorridos dificuldades e bastante espera. “Infelizmente não houve o acerto amigável com os proprietários lindeiros. Estamos fazendo isso para viabilizar e dar condições para o empreendedor poder trazer para Gravataí este investimento que gera emprego, renda e movimenta a economia”, garante.

Para o chefe do Executivo, o decreto não é benefício ao empreendimento “mas ao município, pois as ruas são um benefício à população, melhora o sistema viário, valoriza toda a região e permite a implementação do Grupo Zaffari que todos nós estamos esperando e que todo o município quer ter em seus limites. Agora é só mais um pouquinho de paciência com as questões de ordem legal e depois o grupo irá anunciar as obras físicas”, finalizou.


Diário de Cachoeirinha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE