Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Mil Brinquedos Mil Sorrisos

Universidade recolhe brinquedos eletrônicos para crianças com dificuldades motoras

Campanha adaptará brinquedos eletrônicos, a fim de que possam se tornar mais acessíveis para crianças com deficiência
03/11/2017 07:14 03/11/2017 07:27

Facebook/Reprodução
Campanha 'Mil Brinquedos Mil Sorrisos' adapta para crianças com dificuldades motoras
Muitas crianças com deficiência possuem grandes dificuldades de coordenação motora, o que as impede de executar um movimento tão simples como o pressionar de um botão. Acionar um brinquedo eletrônico, por exemplo, é uma tarefa que não conseguem realizar sozinhas. Porém, um projeto que a Universidade Feevale está realizando em parceria com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) e o Instituto Politécnico de Leiria (IPL), de Portugal, tem o objetivo de tornar o Natal de algumas dessas crianças mais alegre.

A campanha Mil Brinquedos Mil Sorrisos adaptará brinquedos eletrônicos, a fim de que possam se tornar mais acessíveis para crianças com deficiência – prioritariamente física. Hoje, um acionador – espécie de botão de maior tamanho que pode ser pressionado por pessoas com dificuldades motoras – pode chegar a custar 190 reais no mercado. Por meio da campanha, a Feevale realizará, dia 17 de novembro, um workshop para acadêmicos, profissionais e comunidade interessada, que ensinará a adaptar acionadores simples para brinquedos que, no Natal, serão doados para instituições beneficentes previamente cadastradas no projeto.

Para viabilizar a campanha, a universidade necessita do auxílio da comunidade e, por isso, aceita a doação de brinquedos movidos a pilha, que possuam um sistema eletrônico simples, para serem adaptados na oficina. As doações serão recebidas de terça a sexta-feira, das 14 às 18 horas, no Câmpus 2 da Feevale. As entregas podem ser feitas até um dia antes da oficina.


Diário de Cachoeirinha
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE