Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

Central do Assinante: (51) 3600.3636
Central de Vendas: (51) 3591.2020
Whatsapp: (51) 99101.0318
PUBLICIDADE
Investigações

Espanhol e marroquino são detidos por suspeita de participarem do atentado

Um dos suspeitos é natural de Melilla, enclave da Espanha no norte da África

AFP
Policiais trancaram ruas e saídas da cidade

O motorista da van que atropelou uma multidão em Barcelona, deixando treze mortos e mais de cem feridos, está foragido, mas dois suspeitos de participação no ataque, um espanhol e um marroquino, foram detidos pela Polícia. A informação foi divulgada por uma porta-voz das autoridades catalãs.

Um dos suspeitos é natural de Melilla, enclave da Espanha no norte da África.

Explosão na madrugada de quarta

A polícia espanhola informou também que suspeita da ligação de uma explosão ocorrida na madrugada da última quarta-feira (16) com o atentado de hoje.

Josep Lluis Trapero, porta-voz da polícia regional da Catalunha, disse em entrevista coletiva que a explosão ocorreu em uma casa da localidade de Alcanar, 200 quilômetros ao sul de Barcelona, deixando um morto, que supostamente "preparava um artefato explosivo". Ainda não se sabe o porquê do indivíduo estar fabricando a bomba. Suspeita-se que ele faça parte de um grupo terrorista.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE