Olá leitor, tudo bem?

Use os ícones abaixo para compartilhar o conteúdo.
Todo o nosso material editorial (textos, fotos, vídeos e artes) está protegido pela legislação brasileira sobre direitos autorais. Não é legal reproduzir o conteúdo em qualquer meio de comunicação, impresso ou eletrônico.
VOLTAR
FECHAR

Av. Dorival Cândido Luz de Oliveira, 6423 (parada 63) - Monte Belo - Gravataí - CEP: 94050-000
Fones: (51) 3489-4000

PUBLICIDADE
Ajuda

Geriel, mais uma vítima do trânsito

Jovem foi atingido por motorista que fugiu do local

Arquivo/GES
RS-030 acidente no início deste mês deixou jovem na UTI com múltiplas fraturas
O operador de máquinas Geriel da Rocha tinha um sonho: trocar a motocicleta usada por um modelo zero quilômetro. Trabalhou duro e, em março do ano passado, conquistou o novo meio de transporte usado basicamente para ir e vir do emprego. Menos de um ano depois, ele está temporariamente impedido de fazer novos planos. O motivo: um acidente de trânsito que o colocou na UTI.

Geriel voltava do trabalho pela RS-030 na manhã do sábado, 11 de fevereiro, quando foi atingido por um VW Gol nas proximidades da parada 96. Relatos colhidos pela Polícia no local indicam que o condutor do carro invadiu a pista contrária. O Gol foi abandonado no local e que estava dirigindo, fugiu sem prestar socorro, segundo o pai da vítima, o metalúrgico Valmir Roque da Rocha, 49 anos. “Meu filho quebrou os dois braços, o ombro e as duas pernas, uma delas em dez pedaços”, conta.

O jovem não tem previsão de alta e terá um longo período de recuperação pela frente. Além de se preocupar com a saúde do filho, Valmir pede justiça. “O motorista não prestou socorro e desde que o acidente aconteceu, ele nunca ligou sequer para saber se o Geriel está vivo. É horrível para um pai, não se faz isso, não se atropela nem um cachorro e o deixa abandonado na estrada”, desabafa o metalúrgico.

Investigação e pedido de ajuda

Segundo a Polícia Rodoviária Estadual que realizou o atendimento do acidente, o motorista do Gol não foi encontrado no local. O caso foi registrado na Delegacia de Pronto Atendimento (DPPA) de Gravataí e foi encaminhado para a 1ª Delegacia de Polícia do município, que conduz a investigação.

O veículo, destruído pela violência do choque, foi recolhido após realização de perícia. Através da placa, a equipe da DP chegou ao proprietário, que foi convocado para prestar depoimento. No entanto, a investigação tem que determinar quem estava dirigindo o automóvel naquela manhã. A DP não forneceu outros detalhes do caso.

Enquanto espera que o condutor envolvido no acidente seja identificado, Valmir busca recursos para custear as despesas que a família terá pela frente. “Por enquanto os médicos estão estabilizando a saúde do Geriel, para depois ver quantas e quais cirurgias ele vai precisar. Ainda teremos que providenciar cadeira, cama e medicamentos quando ele voltar para a casa”, enumera o pai.

Antes mesmo de sair do hospital daqui alguns meses, o jovem tem outra necessidade mais urgente: doadores de sangue.

Um ônibus sairá da frente do Hospital Dom João Becker, onde ele está internado, às 7h15 desta quarta-feira, 22, levando os voluntários para coleta no Hemocentro de Porto Alegre. A família disponibilizou um telefone para quem puder colaborar doando sangue ou de qualquer outra forma: (51) 98461-9499.


PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
PUBLICIDADE
Capa do dia

FOLHEIE O SEU JORNAL PREFERIDO NA TELA DO SEU COMPUTADOR.

ACESSE ASSINE AGORA
51 3600.3636
CENTRAL DO ASSINANTE

51 3591.2020
CENTRAL DE VENDAS DE ASSINATURAS